O que é logística farmacêutica e como funciona?

Posted by: fulltimelogistica Comentários: 0

Você sabia que o Brasil está entre os 10 países que mais investem e cresce no setor de logística farmacêutica?

A grande preocupação e a competência dos órgãos reguladores posicionaram o Brasil como referência no setor logístico no segmento da área da saúde.

A Logística voltada a área hospitalar e farmacêutica demanda de cuidados específicos e detalhados para que sua gestão tenha grande êxito. Desde a produção até transporte, deve ser prioridade da empresa prezar pela integridade dos medicamentos e dos insumos hospitalares. Onde devem seguir todos os protocolos conforme as resoluções da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a RDC 304 que estabelece a obrigatoriedade das empresas de logística na monitoração de temperatura, acondicionamento e umidade.

 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

Para que haja alinhamento e um sistema de gestão altamente eficaz , a empresa de logística deve seguir todos os protocolos e resoluções dos órgãos competentes. Análise de custos, controle do fluxo de distribuição, profissionais competentes, equipamentos de alta tecnologia voltados a segurança e monitoramento em tempo real.

Alguns tipos de medicamentos necessitam de cuidados específicos para não perderem sua qualidade e eficácia, e nesse ponto a empresa de logística hospitalar que deve ser altamente competente para atuar no segmento, seguindo todas as diretrizes para que a entrega seja efetuada conforme previsto.

ESTOQUE

Para uma boa gestão e distribuição é imprescindível que a empresa possua um sistema integrado e atualizado com o estoque, para auxiliar os operadores e o profissional farmacêutico durante os processos. É necessário seguir a  RDC 430/2020, uma nova norma que dispõe sobre as Boas Práticas de Distribuição, Armazenagem e de Transporte de Medicamentos.

ACOMPANHAMENTO DOS INSUMOS

Para que o medicamento e os insumos possam chegar em segurança ao seu destinatário, o acompanhamento e monitoramento da carga é essencial para que todo o processo logístico e de transporte sejam realizados com êxito. A tecnologia integrada onde é fornecido informações de localização, controle de temperatura trazem mais segurança aos clientes e aos operadores. Essa ação confere maior agilidade em caso de imprevistos, garantindo a entrega dentro do prazo estimado.

 

O Farmacêutico na Logística Farmacêutica

O Conselho Federal de Farmácia regulamenta as atribuições e competências do farmacêutico na Logística farmacêutica pela Resolução nº 679 de 21 de novembro de 2019.

O profissional farmacêutico que atua dentro da área de logística é responsável por:

– Manter e cumprir as normas de legislação sanitária, voltadas aos insumos, seguindo as normas vigentes;

– Conferência, controle de estoque, inspeção, e gestão do fluxo.

– Garantir o rastreamento e a gestão da informação dos produtos e insumos em todas as etapas da cadeia de distribuição.

– Implementar o sistema de gestão da qualidade, com a finalidade de reduzir possíveis problemas, garantindo a integridade e entrega do produto no prazo.

– Indicar as adequações técnicas do estabelecimento necessário para o cumprimento do Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) e das Boas Práticas de Armazenagem e/ou Distribuição;

– Acompanhamento do trajeto da carga até a chegada ao cliente

– Monitoramento de controle de temperatura no transporte dos insumos

– Analisar possíveis problemas e atuar na sua resolução.

O Objetivo principal é realizar a entrega dos insumos dentro do prazo previsto ao seu destino, e a atuação do profissional farmacêutico é essencial para garantir a qualidade o cumprimento das boas práticas na cadeia de transportes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishFrenchPortugueseSpanish
×